top of page
Buscar

Goiás assina pacto para zerar desmatamento ilegal até 2030

Na tarde dessa terça-feira (5), o governador do Estado de Goiás, Ronaldo Caiado concretizou, em parceria com instituições públicas e privadas, produtores rurais e representantes dos setores de agronegócio, um acordo revolucionário. Representando a IRRIGO tivemos a presença de Bruno Marques e Danielly Caetano. Este pacto tem como meta erradicar completamente o desmatamento ilegal em todo o território goiano até o ano de 2030. As ações concentram os esforços de um grupo de 63 entidades, que incluem sindicatos, associações, federações e cooperativas.


De acordo com a Casa Civil de Goiás, o acordo estabelece uma trajetória de redução gradual do desmatamento no estado, que atingiu 63 mil hectares em 2022. A meta é reduzir em 25% as atividades ilegais que prejudicam o meio ambiente até 2025, com o objetivo definitivo de eliminar completamente essa prática até 2030.

Para Caiado, o Código Florestal será respeitado, ao ponto que será apoiado o desenvolvimento do estado de Goiás.


“Não faremos concessões. Ou seja, tem de ter a entrada junto à Semad, que inovou e criou uma plataforma com acesso facilitado. Autorizamos no que é possível. O que não podemos admitir é o descumprimento da norma legal”, afirma o governador Caiado.

A solenidade contou também com a participação do vice-governador Daniel Vilela, da secretária de meio ambiente, Andréa Vulcanis, da deputada Rosângela Rezende, além de representantes de diversos setores econômicos, incluindo o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg) e vice-presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), José Mário Schreiner, e o vice-presidente da Federação das Indústrias (Fieg), Flávio Rassi, bem como o presidente do Sistema OCB-GO, Luís Alberto Pereira. O acordo delineia ações com o intuito de preservar áreas verdes e nativas.


A IRRIGO reconhece a importância deste tema e em como ele impacta a irrigação goiana. A preservação das reservas ambientais e o desmatamento de forma legal e amparada por lei devem ser respeitados para que possamos ter um crescimento correta e de forma segura.

17 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page